300 anos do balé da Ópera

junho 06, 2013

Publicado hoje, n'O Globo.




A história do balé na França começa com ninguém menos que um rei. Louis XIV foi um grande apaixonado pela dança e, motivado por isso, fundou, no final do século XVII, a chamada Académie Royale de Musique (conhecida hoje como Ópera de Paris). Durante a sua juventude, ele se apresentou como dançarino de balé em eventos da corte e, segundo a história conta, possuía um enorme talento para a arte.

O rei, infelizmente, foi obrigado a abandonar a prática, mas nunca perdeu a paixão pela dança. Motivado pelo seu amor ao balé, ele criou, no início do século dezoito, o balé da Ópera de Paris.
Este ano, o tradicional balé completa surpreendentes 300 anos de existência e, para comemorar, foi organizada uma exposição com documentos históricos, pinturas, coreografias, fotos, maquetes de cenários, figurinos e desenhos que contarão a história notável desta escola de ballet tão tradicional. A mostra, é claro, vai ser exibida no belíssimo Palais Garnier até o dia 01 de setembro.

Le Ballet de l’Opéra de Paris
8 rue Scribe
75009, Paris
De 5 de junho a 1 de setembro
Aberto das 10h às 17h
Preço: 9 euros

Posts relacionados

2 comentários