quinta-feira, 11 de abril de 2013

Furtos no Louvre

Só este mês, tenho 3 amigos que tiveram os celulares roubados. Um deles, já é o quarto iPhone que levam. Aviso e não canso de repetir: tenham cuidado ao visitar Paris!







































Furtos no Louvre

O museu do Louvre ontem fechou as suas portas. Em pleno horário de expediente, em uma quarta-feira normal, a decisão parece um tanto quanto estranha, mas tem um motivo mais perturbador ainda: os funcionários, cansados do assédio dos pickpockets (os ladrões que colocam as mãos nos bolsos dos turistas visando roubar carteiras, passaportes e telefones), decidiram fechar as portas em pleno horário de funcionamento normal do museu como forma de protesto.













De acordo com o porta-voz do Louvre, os funcionários, que sofrem muito com as tentativas de furto dentro do prédio do museu (seja tentando proteger os visitantes ou proteger a si mesmos), decidiram realizar o protesto para chamar atenção para a questão alarmante. Os protagonistas dos furtos, muitas vezes crianças em bandos, entram no museu gratuitamente e, por serem menores, não podem ser presos. Sendo assim, tornam-se cada vez mais agressivos.

A questão, naturalmente, ultrapassa os muros do museu mais visitado do mundo, e a verdade é que Paris, cada vez mais, sofre com o assédio de pickpockets para todos os lados. Quem mora aqui sabe de pelo menos de um caso em que alguém teve seu celular roubado, seja no metrô ou andando pelas ruas, durante o dia ou durante a noite. Por isso, o conselho para os brasileiros é o seguinte: não pensem que, por estar na Europa, estamos sempre seguros, ao contrário: Paris é uma cidade perigosa e é preciso ter muita atenção, especialmente em lugares turísticos ou com grande fluxo de gente, como as estações de metrô e os museus.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...