sexta-feira, 30 de março de 2012

Yves Montand

(Publicado hoje, no Conexão Paris)

As cinebriografias de grandes cantores franceses estão na moda. Depois do enorme sucesso de Piaf - Um hino ao amor, chegou às telas de Paris no último dia 15 o filme Cloclo, sobre a vida de Claude François, de quem já falei aqui no Conexão Paris.



Durante esta semana, depois de Cloclo - que já é um sucesso de bilheteria na França -, foi anunciado um filme sobre a vida de Yves Montand. Segundo o artigo que eu li, a película tem previsão de lançamento para 2014 e o ator principal será Thierry Neuvic. No entanto, ainda permanece um mistério quem será a escolhida para encarar a (difícil) tarefa de encarnar Marylin Monroe.

Yves Montand foi um ator e cantor francês que nasceu na Itália em 1921. Filho de uma família comunista, seus pais se exilaram em Marseille fugidos do regime fascista de Mussolini. Em 1944, foi descoberto em por Édith Piaf, que o lançou ao estrelato e com quem teve um relacionamento amoroso.

Além de um grande crooner, Yves foi um ator muito bem sucedido e, apesar de ser conhecido como um homem de muitas mulheres, foi casado durante 34 anos - até a morte dela - com a atriz Simone Signoret. Depois de conquistar fama mundial e estrelar em diversos filmes em Hollywood, os casos extraconjugais se tornaram internacionais. Além de Marylin Monroe, que na época ainda era casada com Arthur Miller, ele também teve um caso com a grande Shirley MacLaine.

Reparem no charme do homem:



O filme que estrela ao lado de Marilyn, chamado no Brasil de Adorável Pecadora, é uma delícia de ver, tanto para fãs dela quanto dele. Um detalhe: o roteiro foi co-escrito por Arthur Miller, que era amigo próximo de Montand e o indicou para o papel. E foi durante as filmagens que ele teve um caso com a esposa de Miller!



Yves Montand morreu em 1991, um dia depois de terminar as filmagens do filme Netchaïev est de retour, no qual interpretou um personagem que morre de ataque do coração. Curiosamente, esta também foi a causa da morte deste grande ícone francês. Ele está enterrado ao lado de Simone Signoret, no cemitério de Père Lachaise.

Conteúdo extra

Yves Montand também foi o responsável pela escolha do nome deste blog. Fiquei encantada quando ouvi pela primeira vez a sua versão da música Sous le ciel de Paris, interpretada por ele (e por vários outros).

2 comentários:

  1. Sou apaixonada por Montand!!!
    Chorei feito uma louca no tumulo dele!
    Você acredita???
    Espero ansiosamente o filme.
    Obrigada por nos contar!

    ResponderExcluir
  2. Também fiquei ansiosa. Quando eu tiver mais notícias, posto aqui.

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...